Explosão em navio-plataforma da Petrobras deixa mortos e feridos graves

10:08

Os feridos serão levados para os hospitais Jayme Santos Neves e Vitória Apart Hospital. As vítimas estão sendo conduzidas por um helicóptero da Petrobras

VITÓRIA e RIO - Uma explosão no navio-plataforma FPSO Cidade São Mateus, no pré-sal da Bacia de Santos, deixou feridos na tarde desta quarta-feira, na região litorânea de São Mateus, no Norte do Espírito Santo.
Os feridos estão sendo transportados de helicóptero para Vitória, onde serão encaminhados de ambulância para hospitais da Grande Vitória. Nove ambulâncias — duas com UTIs — estão à espera dos feridos no aeroporto.
“A gerência de RH da Petrobras nos avisou e estamos aqui na sede da empresa, em Vitória, em busca de mais informações sobre o acidente na plataforma. Vou me reunir agora com a diretoria da empresa”, disse o coordenador geral do sindicato dos petroleiros do Espírito Santo, Paulo Roni, em entrevista à rádio CBN Vitória.
A Petrobras, por meio da assessoria de imprensa, ainda não tem detalhes do acidente.

FONTE  Redação Folha Vitória

Marinha do Brasil terá novo Comandante

15:38

Será realizada  no dia 06 de fevereiro de 2015, a cerimônia de passagem de Comando da Marinha do Brasil (MB). O atual Comandante da MB, Almirante-de-Esquadra Julio Soares de Moura Neto, transmitirá o cargo ao Almirante-de-Esquadra Eduardo Barcellar Leal Ferreira. O evento terá início às 11h30 no Grupamento de Fuzileiros Navais de Brasília e a participação de diversas autoridades,entre elas, o Ministro da Defesa Jaques Wagner.
O almirante Eduardo Bacellar Leal erreira incorporou-se à Marinha em 1971, na Escola Naval. De acordo com a Escola Superior de Guerra, instituição que comandava desde 2013, ele permaneceu embarcado, ao longo de sua carreira, por mais de 16 anos, e tem cerca de 1.300 dias de mar.

Sobre o Almirante Leal Ferreira
Natural do Rio de Janeiro, o Almirante-de-Esquadra Eduardo Barcellar Leal Ferreira nasceu em 2 de junho de 1952. O novo Comandante da Marinha ingressou na carreira militar em 1971 e foi declarado Guarda-Marinha em 1974.



Leal Ferreira, em seus mais de 40 anos de carreira, recebeu diversas condecorações e desempenhou importantes funções de comando e direção, das quais destacam-se:
- Comandante do Aviso de Instrução “Aspirante Nascimento”;
- Comandante da Corveta “Frontin”;
- Comandante da Fragata “Bosísio”;
- Comandante do 2º Esquadrão de Escolta;
- Capitão dos Portos do Rio de Janeiro;
- Comandante do Centro de Instrução Almirante Alexandrino;
- Comandante da Escola Naval;
- Comandante do 7º Distrito Naval;
- Diretor de Portos e Costas; e
- Comandante-em-Chefe da Esquadra.
O último cargo ocupado pelo Almirante Leal Ferreira foi o de Comandante da Escola Superior de Guerra, instituição vinculada ao Ministério da Defesa. Ele chegou ao almirantado em março de 2004 e alcançou o posto de Almirante-de-Esquadra em março de 2013.