Diretoria de Hidrografia e Navegação realiza homenagem alusiva ao centenário do Almirante de Esquadra Maximiano

07:26

Participantes da homenagem ao Almirante de Esquadra Maximiano
No dia 30 de abril, a Diretoria de Hidrografia e Navegação (DHN) realizou uma homenagem pelo transcurso do centenário de nascimento do Almirante de Esquadra Maximiano Eduardo da Silva Fonseca. A cerimônia foi realizada a bordo do Navio Polar (NPo) “Almirante Maximiano”, atracado no Arsenal de Marinha do Rio de Janeiro, e contou com as presenças de ex-Diretores de Hidrografia e Navegação, Almirantes Hidrógrafos, familiares e amigos do homenageado.
Na ocasião, o Comandante do Npo “Almirante Maximiano”, Capitão de Mar e Guerra João Cândido Marques Dias, fez uma apresentação sobre a biografia do Almirante Maximiano.
Oficial Hidrógrafo da Turma de 1948, o Almirante Maximiano contribuiu para o desenvolvimento da Hidrografia Brasileira. Foi Comandante dos Navios Hidrográficos “Rio Branco”, “Sirius” e “Canopus” e Diretor do Centro de Auxílios à Navegação “Almirante Moraes Rego”. Como Ministro da Marinha, no que concerne à atividade hidrográfica, promoveu a incorporação de meios e a aquisição de novos equipamentos e a transferência da DHN para as atuais instalações na Ponta da Armação. Ressalta-se seu apoio às “Operações Antárticas”, com a aquisição do Navio de Apoio Oceanográfico "Barão de Teffé" que, na ocasião, abriu o caminho para a presença do Brasil na Antártica, permitindo a realização da Primeira Expedição Antártica Brasileira e o estabelecimento da Estação Antártica Comandante Ferraz.
Almirante de Esquadra Palmer, Márcia Palmer e Carlos Palmer (filhos do Almirante de Esquadra Maximiano) e Vice-Almirante Garcez

Fonte: Marinha do Brasil

You Might Also Like

0 comentários