segunda-feira, 26 de março de 2018

Livro “Da Armada Real para a Marinha Imperial” é lançado na abertura do Ano Cultural da Marinha

Livro “Da Armada Real para a Marinha Imperial”, resultado da cooperação entre as Marinhas do Brasil e Portugal
Fruto da parceria entre as Marinhas do Brasil e de Portugal, o livro “Da Armada Real para a Marinha Imperial” foi lançado em 06 de março durante a abertura do Ano Cultural da Marinha, quando foram divulgados os eventos programados para 2018.

Publicada pela Comissão Cultural da Marinha de Portugal, a obra foi organizada pelo Capitão de Mar e Guerra (Refº) José António Rodrigues Pereira, da Marinha Portuguesa, e pelo Capitão de Fragata Pierre Paulo da Cunha Castro, da Diretoria do Patrimônio Histórico e Documentação da Marinha (DPHDM). Colaboraram, também, como autores, os pesquisadores do Departamento de História da DPHDM.

Distribuído em dez capítulos, o livro trata do período compreendido entre a renovação da Armada Real, em 1793, e a consolidação da Marinha Imperial, em 1826, tendo como contexto histórico a transmigração da Família Real e o processo de Independência, apresentando dois entendimentos históricos diferentes, que se complementam para abordar um caso ímpar na História Naval, quando, das unidades e organismos administrativos da metrópole surgiu a Marinha Imperial Brasileira, que lutou pela Independência, contribuindo para a manutenção da integridade territorial da nação independente.

Prefaciado pelo Diretor da Comissão Cultural da Marinha de Portugal, Vice-Almirante Augusto Mourão Ezequiel, e pelo Diretor da DPHDM, Vice-Almirante José Carlos Mathias, a obra consolida os laços entre as duas Marinhas.
Secretário-Geral da Marinha, Almirante de Esquadra Liseo, recebe um exemplar do organizador e autor do livro, Capitão de Fragata Paulo Castro

Nenhum comentário:

Postar um comentário